_____________________________________
Também leia meus posts como 'Toon Link' no Blog Clímax.

Indicados ao
Oscar 2012 - Comentários
O 3D é mesmo o
futuro do cinema?
Resenha: Toy Story 3
- - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - - -

quinta-feira, 31 de julho de 2008

"An American Dog" Vs "Bolt"

o Cachorro fumante se foi.... PORQUE!!!!!!!!!?????!!?!?!?!



“Henry, um famoso cão da TV, se encontra perdido no deserto de Nevada. Solto no mundo pela primeira vez, a vida organizada de Henry de triunfos inventados chega a um fim, e sua jornada de 2,000 milhas pelo mundo real está apenas começando.”




An American Dog, sinopticamente-mais-detalhadamente a história de um cachorro superstar, bebedor de martínis e paparicado, estrela de uma popular série de TV, onde a cada semana ele tem uma nova aventura no melhor estilo James Bond que por algum motivo fica perdido no meio do deserto de Nevada precisa fazer amigos para sobreviver(entre eles um coelho gigante radioativo e um gato que utiliza um tapa-olhos), era um dos projetos de animação que mais despetavam minha curiosidade para 2009

Cris Sanders, dono de um designer de personagens único, estava responsável pela bagaça, e o que é melhor, a definia como seu projeto mais pessoal e começava a trabalhar pesado nele






Sanders foi o diretor de Lilo e Stitch, o filme mais incomum e em minha visão o melhor junto com a nova onda do imperador dentre as últimas produções Disney(bem, a nova onda também se encaixa no conjunto anterior), além de trabalhar como diretor de arte e artista de estória de alguns filmes como Mulan e o próprio "a Nova onda"




e depois de visualizar algumas imagens conceituais do projeto foi amor à primeira vista :














Acabou que 2006 Foi um ano de muitas reviravoltas no estúdio(Disney), como a compra da Pixar por ele, mudanças na presidência e por aí vai fez com que o projeto nunca mais fosse o mesmo
Jhon Lasseter que se tornou o chefe da área criativa do estúdio não gostou do que tinha visto sobre o projeto até aquele momento.
achou o filme bizarro demais e por conta disso quis mudanças drásticas na história

ps: pelas informações que eu tenho Jhon Lasseter não gosta nem um pouco de Lilo e Stitch

Após certo tempo foi oficializada a demissão de Sanders
uma fonte anônima afirmou que ele se sentiu desapontado, ferido e enraivecido ao saber que tinha sido despedido do projeto que ele mesmo criou e que ele não esperava algo como isso de alguém (John Lasseter) que sempre fala sobre um modelo de estúdio comandado pelos diretores


A partir disso todo o projeto foi reformulado e ainda tendo em vista para ser lançado na previsão original

O protagonista não seria mais um cachorrinho marrom de raça "cris-sandersada" e sim um pastor alemão chamado Bolt com uma marca de raio que percorre um lado de seu corpo


Ele participa de um programa de TV onde faz dupla com uma garota de 12 anos no combate ao crime




No novo tratamento de história bolt imagina que tudo o que ele enfrente é real e acredita no amor de sua dona(uma atriz contratada para o programa), o cão se perde e na jornada ainda acredita ter todos os poderes que seu personagem no programa de TV tem



A partir daí nasceu Bolt, como estamos o conheçendo e como o fime será

Muito ja foi dito que o novo personagem lembra bastante o BUZZ LIGHTYEAR de toy story, e realmente, não dá pra negar..
infelizmente a história vai ser regada a bastante dejá-vú



Já Cris Sander foi contratado pela PDI/Dreamworks, considerada uma "rival" da Pixar Animation Studios que pertence À Disney
já começou colocando as mãos no projeto “Crood Awakenings”(que espera-se ser lançado por volta de 2010 e 2011) e conta a história de um choque cultural entre homens das Cavernas




Bem, esse é um resumo do que ocorreu durante bastante tempo durante o processo de produção da bendita bodega..




Bom..

O pior disso tudo é nunca saber o que seria do glorioso projeto original do Sanders, eu nunca fiquei tão animado com um projeto assim..(por causa de todos os aspectos envolvidos), nem mesmo com animações da Pixar ou da AARDMAN...


Infelizmente é algo que vai ficar no imaginário como o que poderia ser e não foi



Sobre os tais motivos que tanto incomodavam os executivos do estúdio..




Bom, discutindo com algumas pessoas pelo orkut (não é tiago? xD) eu tive certas discussões quanto ao repudio que estavam tendo ao fato do cachorro estar fumando(o velho papo: "que imagem estamos passando à crianças")

Eu me canso de voltar e voltar pro mesmo bla bla bla de animação não ser coisa infantil e tal..

Que a Disney está um chata de galocha com seu pseudo-puritanismo, que nenhuma criança vai sair por aí atirando em ninguem porque viu uma arma desenhada numa tela e por aí vai

E que muitas dessas pessoas que reclamam disso querem ter o cinema como um produto de incentivo a sua hipocrisia, como as mesmas pessoas que se chocam em ver uma palavra dita "chula" em um filme dublado é a mesma que as "recita" várias e várias vezes mesmo em contato com as tão ingênuas crianças, das que reclamam de um Linguini bêbado em ratatui são as mesmas que se embebedam e não escondem isso de nenhuma delas

Eu acho que estamos vivendo uma época de um moralisto muito precipitado

A tempos atrás nós vivíamos vendo garfos sendo arremessados em direção ao tom, em tom e jerry, ou um scar assassinando seu irmão em uma cena extremamente dramática em o Rei Leão, ou 4 moleques de 12 anos fumando em um filme em plena sessão da tarde, como em Conta Comigo, e hoje em dia tratamos isso como uma das melhores recordações de nossa infância

Bem. isso meio que destoa o texto, mas de certa forma era algo que queria muito comentar


Continuando..
fora que o projeto anterior de Sanders não é um grande exempo de conservadorismo,
e não é preciso ser nenhum expert pra sacar
um personagem que faz experimentos ilegais, ou outro que emite sons "pesados" e que é disposto a destruir tudo sem o mínimo de bom senso ou outra que realiza trabalhos de voodu pra suas amigas e por aí vai, são algumas das figuras que o crativo sanders nos proporcionou com sua obra anterior




Muitos usam o artifício de ser um filme que involuntariamente chamará as crianças ao cinema, aí eu digo que outras animas que além de ter um "humor "adulto"" carimbado na testa e recarimbado por várias outras pessoas atraem da mesma forma

"papai, vamos assistir ao Shrek ?" (frase de um garoto de + ou - 6 anos do seriado lá do Antony Anderson que não sei o nome)


Fora o lance da disney liberar a classificação PG13 pra um filme fraco e com inapropriações desnecessárias para a estória em nem que a vaca tussa (como colocar piadas com silicones, hipnose e até travecos no filme)




Voltamos a pura e simples conclusão, an american dog de Cris Sanders tinha potencial para ser algo muito mais interessante




Provavelmente pouco depois da estréia estarei dentro da sala de cinema conferindo Bolt, mas o que este filme(que acredito eu, ainda será bem bacana) poderia ser é o que por muito tempo não sairá da minha cabeça

Trailer de Bolt :



3 comentários:

diasdechuva disse...

pois é jonathan...
chris sanders com sua mente genial, foi tragado pela burrice de john lasseter...que cada vez me irrita mais!
Quando Lasseter vai cair na real?
bjooooooo

loiraturbinada disse...

Obrigada pela visita e o comentario:D
to respondendo no post sobre o Bolt pq ele sendo bem fofo combina com uma loira turbinada=))

Anônimo disse...

Every parent likes to know that their baby is sleeping in the right crib. Baby cribs need to be safe above all else but also fit properly with the style of the family. It can be very difficult to learn about the basics of baby cribs which is why expecting parents need to go to the right place. Visit us online: http://www.buy-a-crib.com/

Postagem mais recente

veja mais coisas legais em Postagem mais antiga


Related Posts with Thumbnails
 
diHITT - Notícias / BlogBlogs.Com.Br